Brinquedos: O que vale a pena comprar?

Quais são os melhores brinquedos para os primeiros anos de vida da criança? Que pai ou mãe nunca ouviu ou então nunca se fez essa pergunta? Faz um tempo que venho pensando nisso e resolvi reunir aqui os cinco eleitos na nossa casa.

Os brinquedos abaixo são os mais usados, aqueles que estão sempre em volta. Fazendo a lista me dei conta de que todos eles têm duas características em comum: são versáteis e baratos.

Todos foram escolhidos e testados de maneira independente, sem fins comerciais. Coloquei eles em ordem de preços que achei na internet:

Carrinho de boneca

A Sofia começou a brincar com carrinho de boneca quando mal sabia caminhar. O dela é usado pra transportar brinquedos e tudo mais que couber nele, inclusive ela própria. Ele é dobrável, fácil de guardar e de levar pra rua. Preço: 5 libras (R$ 15,90).

Livro com texturas Baby Touch Quack Quack

Quack! Quack! foi um dos primeiros livros que a minha filha ganhou e mesmo agora, já tendo passado um pouco da fase, muitas vezes abre ele para sentir as texturas e apontar para os animais. Preço: 5,79 libras (R$ 18,42).

Copos de empilhar

Nós compramos os copos de empilhar antes de a Sofia conseguir brincar com eles. Foi porque eles foram eleitos como o melhor tipo de brinquedo educativo num programa de televisão aqui na Inglaterra. É possível brincar com os copos de várias maneiras, em vários níveis, sem falar que dá para colocar água ou areia neles. Preço: 6 libras (R$ 19,08).

Tatame infantil

Existem vários tipos de tatames, com números, letras e figuras variadas. Os nossos já foram montados e desmontados diversas vezes, em diferentes cantos da casa. Brincamos com eles ou sobre eles. As peças são de espuma, fáceis de limpar. Preço: 9,98 libras (R$ 31,75).

Barraca de criança

Eu adorava a barraquinha que eu e a minha irmã tínhamos no nosso quarto quando crianças e com a Sofia não é diferente. Essa da foto é bem simples, leve e dobrável. Para que fique mais firme, montamos parte do tatame dentro dela. Preço: 10,49 libras (R$ 33,37).

Leia também: Produtos para bebês e crianças inéditos para mim até pouco tempo

Produtos para bebês e crianças inéditos para mim até pouco tempo

Adicionei novos produtos para bebês e crianças que até pouco tempo eu não sabia que existiam à minha lista original. Todas as novidades foram escolhidas e testadas de maneira independente, sem fins comerciais.

Brinquedo que faz o bebê parar de chorar

O Tomy Baby Sshh realmente faz o bebê parar de chorar. Quando eu li sobre ele na internet não levei muita fé e mesmo assim resolvi dar uma chance. Ele toca dois tipos de melodias com ritmos variados que fazem o bebê se distrair. Tem toda uma ciência por trás disso.

Pode ser que o bebê volte a chorar depois que a música acaba, é claro, mas funcionou bem com a Sofia e com as filhas de duas amigas pra quem nós demos o bonequinho. Que fique claro: eu acho importante que os bebês chorem, é uma maneira que eles têm de se comunicar, mas achei útil ter um brinquedo que ajudasse a fazer a Sofia se acalmar rapidamente em algumas ocasiões.

Saquinho de dormir

O saquinho de dormir substitui o cobertor e garante que a criança passe a noite quentinha, mesmo que se mexa bastante. Geralmente fecha com zíper lateral e botões nos ombros, como o da foto. A Sofia já teve de vários tamanhos e espessuras e até hoje usa quando faz frio.

Cadeirinha Bumbo

A cadeirinha Bumbo pode ser usada a partir dos quatro meses de idade. Ela oferece suporte para que o bebê consiga ficar sentado sozinho.

Cadeirinha pula-pula para bebê

O pula-pula é ótimo para poupar os braços dos pais quando o bebê tá na fissura de pular. Dá para fixá-lo em qualquer porta e ele não ocupa muito espaço quando guardado.

Porta-brinquedos

Encontrei vários móveis e acessórios para armazenar brinquedos que até então eu não conhecia, mas este da Ikea é meu preferido. Ocupa pouco espaço, é barato e comporta bastante coisas. Se for colocar brinquedos pesados, certifique-se de que esteja bem preso ao teto.

Protetor para colchão à prova d’água

O protetor à prova d’água é fininho, vai debaixo do lençol, e mantém o colchão, seja do berço ou da caminha, sequinho.

Cadeirinha de banho para bebê

Eu já tinha ouvido falar das redinhas, mas nunca tinha visto as cadeirinhas para banho. Usamos bastante quando a Sofia era bebê. Achei o produto prático e higiênico. Os contornos da cadeirinha, que vai dentro da banheira, dão suporte ao bebê e permitem que o adulto fique com uma das mãos livres.

Veja aqui uma lista de novidades pra mim na área da alimentação, desde comidas até babadores

Leia também: Brinquedos: O que vale a pena comprar?

Produtos para bebês e crianças inéditos para mim até pouco tempo – parte 1

Eu brinquei muito de bonecas quando era pequena, mas na vida adulta tive pouco contato com bebês e crianças. Quando engravidei da Sofia, descobri que o mercado infantil é bem maior do que eu imaginava.

Reuni aqui alguns dos produtos que até pouco tempo eu não sabia que existiam. Todos os eles foram escolhidos e testados de maneira independente, sem fins comerciais.

Brinquedo que faz o bebê parar de chorar

O Tomy Baby Sshh realmente faz o bebê parar de chorar. Quando eu li sobre ele na internet não levei muita fé e mesmo assim resolvi dar uma chance. Ele toca dois tipos de melodias com ritmos variados que fazem o bebê se distrair. Tem toda uma ciência por trás disso.

Pode ser que o bebê volte a chorar depois que a música acaba, é claro, mas funcionou bem com a Sofia e com as filhas de duas amigas pra quem nós demos o bonequinho. Que fique claro: eu acho importante que os bebês chorem, é uma maneira que eles têm de se comunicar, mas achei útil ter um brinquedo que ajudasse a fazer a Sofia se acalmar rapidamente em algumas ocasiões.

Saquinho de dormir

O saquinho de dormir substitui o cobertor e garante que a criança passe a noite quentinha, mesmo que se mexa bastante. Geralmente fecha com zíper lateral e botões nos ombros, como o da foto. A Sofia já teve de vários tamanhos e espessuras e até hoje usa quando faz frio.

Cadeirinha Bumbo

A cadeirinha Bumbo pode ser usada a partir dos quatro meses de idade. Ela oferece suporte para que o bebê consiga ficar sentado sozinho.

Cadeirinha pula-pula para bebê

O pula-pula é ótimo para poupar os braços dos pais quando o bebê tá na fissura de pular. Dá para fixá-lo em qualquer porta e ele não ocupa muito espaço quando guardado.

Porta-brinquedos

Encontrei vários móveis e acessórios para armazenar brinquedos que até então eu não conhecia, mas este da Ikea é meu preferido. Ocupa pouco espaço, é barato e comporta bastante coisas. Se for colocar brinquedos pesados, certifique-se de que esteja bem preso ao teto.

Veja aqui uma lista de novidades pra mim na área da alimentação, desde comidas até babadores.

A maior loja de brinquedos do mundo

Essa semana eu visitei a Hamleys, que diz ser a maior loja de brinquedos do mundo. A matriz deles, na Regent Street, centro de Londres, recebe cerca de 5 milhões de visitantes por ano. São 5.000 m² divididos em sete andares.

Leia também: London Eye com crianças e A primeira visita à casa da rainha

Coisas simples da vida

A Sofia ganhou de presente de aniversário um patinete e um capacete. Sabe do que ela mais gostou? Da embalagem.

Muito mais que uma caixa

Ela já encheu e esvaziou a caixa ao lado muitas e muitas vezes. Já pediu pra nós amarrarmos um barbante em volta e fazer de presente, fez de conta que era um carro, uma casa, levou em viagens imaginárias de trem, de ônibus, e não sei mais o que.

Continuo achando (ou apostando) que o patinete foi boa compra. Ela já deu umas voltas, mas ainda não se sente totalmente segura, não descobriu o barato.

Enquanto isso, ela se diverte com aquilo que dá asas à imaginação. A caixa de papelão acaba sendo um brinquedo educativo, que pode ser montado, transformado, usado de várias maneiras diferentes. Estimula a criatividade.

Leia também: Quando tudo é uma aventura